PÁGINAS
  • 03:26
Um verdadeiro mutirão de limpeza está sendo desenvolvido por toda a cidade de Retirolândia desde meados da semana passada. Máquinas e homens trabalham para retirar lixos e entulhos de diversos setores. Até no final de semana, os esforços foram mantidos para garantir a retirada desses materiais e a limpeza em mais de 60 pontos onde a sujeira estava acumulada.
De acordo com Cláudio Mello, novo diretor de departamento de manutenção e fiscalização de obras e dos serviços públicos, esse trabalho vai continuar para garantir a limpeza em todas as partes.
O agora responsável pelo setor de limpeza está conversando diretamente com comerciantes sobre a necessidade dos mesmos contribuírem com a limpeza pública municipal, evitando a exposição de lixo proveniente dos seus estabelecimentos em locais e horários inadequados.
O diretor informou que vai adotar políticas de conscientização da população como a distribuição de panfletos e outros meios de comunicação para garantir a higiene da cidade e dos povoados. Além disso, a gestão municipal pretende implantar um novo sistema de coleta de lixo com horário definido para cada setor, além de possível colocação de caixas coletoras em determinados locais. De acordo com Cláudio Mello, todos os esforços serão empreendidos para que esse novo modelo de coleta seja iniciado até o final deste mês.
Além do lixo, o entulho é outro problema para a administração municipal que sequer é informada por aqueles que constroem ou reformam suas casas ou pontos comerciais. Segundo Cláudio, será criado um mecanismo municipal que obrigará o cidadão a dar ciência a prefeitura acerca do entulho que será colocado na rua com antecedência. Em caso de descumprimento, o produtor do entulho terá que providenciar a retirada do material.
O diretor alerta que a limpeza do logradouro público é um dever da gestão pública, porém, cada cidadão tem a responsabilidade de contribuir, exercendo sua cidadania e civilidade.

Confira mais fotos:





Reporte-nos algum problema! Ouvidoria