PÁGINAS
  • 17:47
O prefeito de Retirolândia, Alivanaldo Martins, Vonte, viabilizou por meio da CONSISAL- Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Território do Sisal, junto ao governo do estado, por meio da SEINFRA-Secretaria de Infraestrutura, a recuperação da BA 412, estrada pertencente ao estado que liga a cidade de Retirolândia ao povoado de Barreiros, município de Riachão do Jacuípe. A execução dos trabalhos depende de um convênio que deverá ser firmado entre a CONSISAL e o governo do estado nos próximos dias.
Rafael Morais, secretário de infraestrutura - Vonte Merim, prefeito - Jarbas Gama, engenheiro civil.

O objetivo do gestor é facilitar o tráfego de veículos, especialmente os de carga como caminhões, por exemplo, que fazem o transporte diário de blocos produzidos naquele povoado. A estrada é  bastante utilizada para o escoamento da produção desse tipo de material de construção  que abastece as diversas cidades da região.

Há alguns meses, os transeuntes, moradores da região e os produtores de blocos daquela localidade que fica a 18 km de Retirolândia, reclamam do abandono da estrada que há cerca de 3 anos não passa por qualquer melhoramento.

O serviço a ser desenvolvido por meio da parceria entre o governo do estado e o município com o uso de cascalho, vai facilitar o tráfego na região.

O micro-empresário, Geraldo Possidônio, tem uma pequena fabrica na localidade de Alecrim, município de Retirolândia, a qual desenvolve  produtos manufaturados como: coador de café, tábuas de carne de cozinha e móveis. De acordo com Geraldo, há mais de 3 anos a situação da estrada é caótica e, por conta dessa situação, alguns clientes têm deixado de comprar suas mercadorias, gerando prejuízos de forma constante.

"É grande a reclamação por aqui na região e uma recuperação dessa estrada será um presente para todos nós", disse ele.

Para o motorista e fornecedor de materias para a fábrica de Geraldo, Carlos Souza de Feira de Santana, suas viagens que eram mais frequentes, agora só acontecem a cada 2 meses por conta da situação  da estrada. Carlos mencionou alguns prejuízos ocorridos na suspensão e pneus do seu carro devido a irregularidade da rodovia, dentre elas, os bicos de pedra.

Para o engenheiro Jarbas Gama que esteve no setor na manhã desta quinta-feira,02/02, acompanhado do secretário de Infraestrutura do município, Rafael Moraes e descreveu a estrada como muito ruim, as costelas de vaca e os bicos de pedra, principalmente nas ladeiras, são os piores problemas, embora seja flagrante a quantidade de buracos no setor. O engenheiro observou o fluxo de caminhões que atuam no transporte de blocos naquela área.

Doutor Jarbas disse que a recuperação à  base de cascalho na região, vai depender do relatório feito por ele com base nos problemas, constatados inloco nessa manhã, como foi autorizado a fazer.

Ele apontou uma série de problemas encontrados na estrada e fez o registro da situação por meio de fotos para a conclusão do seu trabalho.

Para o engenheiro, o serviço com cascalho pode ser duradouro, se for desenvolvido com as inclinações corretas e bem compactado.


Para o secretário Rafael Moraes, a situação da estrada é bastante delicada. Ele alertou que o problema  é recorrente e que não teve a devida atenção por parte de alguns gestores. O secretário parabenizou a parceria entre o governo do estado, a consisal e a gestão do prefeito Vonte do Merim pela busca dessa solução em favor da população.


Para o secretário, o trecho que liga a localidade de Uberlândia ao povoado de Barreiros, sendo este  já no município de Riachão do Jacuípe, está mais complicado, mas que, assim como ele, o povo daquela região acredita na vontade de Vonte em busca de soluções para os problemas daquela estrada e do  município.                      
Para o prefeito Vonte, essa recuperação será de grande importância  para todos que serão beneficiados. O gestor acredita que é importante manter a parceria com o governo do estado e com a Consisal, visando implementar o desenvolvimento do município em busca de resultados que favoreçam a coletividade.

"Muitos cidadãos de Barreiros estão no dia-a-dia movimentando a economia do nosso município, fortalecendo o comércio da nossa cidade. Além disso, há muitas pessoas de Retirolândia  adquirindo o pão de cada dia através das cerâmicas produtoras de blocos naquela localidade", disse Vonte que lembrou ainda das comunidades do município naquela região que necessitam de estradas de qualidade, assim como as demais.


ASCOM/PMR
Reporte-nos algum problema! Ouvidoria